[7 melhores alimentos para emagrecer]

Alimentos funcionais são ótimas pedidas para o corredor que quer emagrecer. Saiba no que investir.

Muitos corredores gostariam de perder 1 kg ou 2 kg. Talvez, até 5 kg ou mais. Por quê? Para se sentirem mais bonitos, para melhorar a saúde e até mesmo para correr mais rápido e ir mais longe. Mas a perda de peso não é a tarefa mais fácil do corredor. Existe uma imensidão de variáveis que fazem parte desse processo, como a forma como você se exercita, como o seu metabolismo reage durante o dia e, principalmente, a dieta que você segue.

Substituir alguns alimentos por aqueles que trazem benefícios para o seu corpo (e facilitam a perda de peso) é uma ótima estratégia para que você fique mais fininho rapidamente. Por isso, listamos sete alimentos que podem ajudar nessa tarefa.

1. Abacate
Ele é abominado por muitas pessoas por ser considerado uma fruta que engorda. Mas estudiosos da Nutrition Impact, uma consultoria americana especializada em alimentação e nutrição, avaliaram dados de mais de 17 mil pessoas e perceberam que quem come abacate, diariamente, pode chegar a pesar 3,5 kg a menos e ter uma circunferência abdominal quatro centímetros menor do que as das pessoas que não consomem a fruta. Mas não exagere no consumo deste alimento, pois tudo que é demais faz mal para a saúde.

2. Pimenta do reino
Segundo uma pesquisa coreana, publicada na revista científica Journal of Agricultural and Food Chemistry, a peperina, mesma substância que dá o sabor ardido à pimenta do reino, não só combate os radicais livres como também inibe a formação de gordura na região abdominal. Considerada uma das especiarias mais antigas do mundo, a pimenta do reino ainda pode ajudar na cicatrização e é rica em vitaminas A, C e E.

3. Gengibre
Um pedaço de 2 cm, três vezes ao dia, já é o suficiente para ter os benefícios do gengibre. Ele pode ser consumido misturado ao suco, no tempero de aves e peixes, refogado, em forma de chá ou batido no liquidificador com frutas. A especiaria traz benefícios para o metabolismo, já que a zingiberina – substância encontrada no gengibre – pode aumentar em até 20% o metabolismo, por estimular a queima energética. Mas essa aceleração do metabolismo não resultará em perda de peso se não for aliada à prática regular de exercícios e a uma alimentação saudável, visto que ele aumenta a lipólise, mas não a oxidação da gordura.

4. Peixes
Os peixes são alimentos funcionais, com gorduras saudáveis e vitaminas essenciais para o funcionamento adequado do organismo. O principal lipídio que ele contém é o ômega-3. Ele representa uma família de compostos que não podem ser produzidos pelo organismo e que devem ser obtidos por meio da alimentação. Peixes como sardinha, salmão, tilápia, cavala, atum, bonito, olho de boi, arenque e serra são ricos nessa substância, que, entre outras funções, regula o metabolismo de gorduras e reduz os triglicerídeos.

5. Aveia
Considerada um alimento funcional pela sua concentração de fibras solúveis, o consumo regular da aveia está relacionado à perda de peso, já que o cereal tem digestão lenta, proporcionando maior tempo de saciedade. Mas seu consumo deve ser feito de forma regular, respeitando um padrão alimentar saudável. Três colheres de sopa por dia já está de bom tamanho. Uma boa dica para inserir a aveia na dieta é misturá-la a outros alimentos saudáveis, podendo estar presente em refeições, como o café da manhã, lanches intermediários e ceia, com frutas, leite ou iogurtes. Por não ter um sabor muito forte, também pode ser inserida em preparações salgadas ou em substituição à farinha de trigo, sem causar grandes alterações de paladar.

6. Vinho
Mais um bom motivo para você tomar vinho tinto: ele é capaz de bloquear o crescimento de células de gordura, segundo estudo realizado pela Purdue University, nos Estados Unidos. Os especialistas afirmam que isso acontece por causa do piceatanol, componente da bebida rico em antioxidantes, que é capaz de retardar a geração de células de gordura, impedindo novos depósitos de massa gorda. Outro estudo, realizado pelo Women’s Hospital Boston (EUA), chegou a uma conclusão complementar: as mulheres que consumiam vinho de uma forma consciente, numa média de uma taça por dia, engordaram menos do que as que não ingeriam a bebida.

7. Chá verde
Descoberto pelos chineses no século XVII – e apresentado para o restante do mundo por meio dos japoneses –, o chá verde se tornou uma bebida famosa por seu poder diurético e secador de gorduras. Ele acelera o metabolismo e contêm polifenóis e flavonóides, antioxidantes que ajudam a proteger as células do corpo contra a ação dos radicais livres. Além disso, a bebida também age na inibição da atividade da lipase intestinal ou pancreática, cujo efeito se traduz numa menor absorção de triglicerídeos e colesterol, podendo contribuir para a perda de peso.

FONTE: O2 por minuto

Leave a comment

Your email address will not be published.


*